Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3603
Título: Retenção de conhecimento tecnológico nas organizações como fator propulsor para o processo de inovação: estudo de caso na Batávia S/A
Autor(es): Helmann, Caroline Lievore
Orientador(es): Carvalho, Hélio Gomes de
Palavras-chave: Gestão do conhecimento
Inovações tecnológicas
Indústria de laticínios
Knowledge management
Technological innovations
Dairy products industry
Data do documento: 19-Jun-2007
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Ponta Grossa
Citação: HELMANN, Caroline Lievore. Retenção de conhecimento tecnológico nas organizações como fator propulsor para o processo de inovação: estudo de caso na Batávia S/A. 2007. 186 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia da Produção) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Ponta Grossa, 2007.
Resumo: O conhecimento passou a ser, na era da informação, um dos recursos mais valiosos para as organizações que pretendem se manter em um alto patamar de competitividade. Da mesma forma, o efeito que as inovações vêm apresentando no mercado láteo confirma a necessidade das empresas de gerenciar e reter seus conhecimentos com o intuito de promover inovações, através de processos rápidos e eficientes. A retenção de conhecimento dos especialistas nas organizações é visto como um dos fatores que mais impactam no desenvolvimento de novos produtos. Portanto, reter o conhecimento das pessoas é um meio de intensificar e melhorar os resultados da empresa. A presente pesquisa tem como objetivo identificar as práticas de Gestão do Conhecimento que mais contribuem para o processo de retenção de conhecimentos e que facilitam os processos de inovação. A identificação dessas práticas foi possível através de um estudo de caso realizado na Batávia S/A Indústria de Alimentos, situada na cidade de Carambeí, no estado do Paraná. A empresa tem forte atuação no mercado lácteo brasileiro, e foi considerada uma das empresas mais inovadoras do país, utilizando essas inovações como estratégia de competitividade. Como procedimentos metodológicos foram realizados, inicialmente, um levantamento prévio com seis especialistas em Gestão do Conhecimento e na empresa, observação sistemática, consulta a registros e documentos da empresa e aplicação de questionários e entrevistas. O questionário foi composto de 80 afirmações referentes à retenção de conhecimentos e à inovação, divididas entre 18 práticas de Gestão do Conhecimento. Esses questionários foram aplicados a seis respondentes ligados ao setor de Pesquisa & Desenvolvimento e Marketing, os quais opinaram a respeito da contribuição de cada prática aos processos de retenção do conhecimento e inovação. As entrevistas, semiestruturadas, foram realizadas com 4 colaboradores a fim de aprofundar os resultados obtidos com os questionários. Entre as práticas que mais contribuem ao fator retenção de conhecimentos na empresa destacam-se o Mapeamento de Conhecimentos, Educação Corporativa, Memória Organizacional, Fóruns ou Listas de Discussão, Lições Aprendidas e Melhores Práticas. Com relação ao fator inovação, as práticas que mais se destacaram foram: Gestão do Capital Intelectual, Lições Aprendidas, Banco de Competências, Mapeamento de Processos e Educação Corporativa. A identificação das práticas que promovem a retenção de conhecimento e facilitam os processos de inovação é o primeiro passo para as empresas implementarem ferramentas e práticas apropriadas às suas estratégias e aos seus colaboradores. Embora esses resultados não possam ser generalizados para outras empresas, podem nortear novas pesquisas nessa área.
Abstract: At the age of information, knowledge has become one of the most valuable resources for organizations that intend having the upperhand in competition. In the same way, the effect that the innovations have been showing in the dairy market confirms the demand of enterprises for managing and keeping their knowledge with the intention of promoting innovations by the use of quick and efficient processes. The maintenance of the specialists’ knowledge in the organization is seen as one of the factors that most have an impact on the development of new products. However, retaining people’s knowledge is a way of intensifying and improving the enterprise’s results. The present research aims to identify the practice of Knowledge Management that most contribute for the process of knowledge retention and that ease the processes of innovation. The identification of such practices was enabled through a case study conducted Batávia S/A Indústria de Alimentos, located in the city of Carambeí, state of Paraná. The company has strong presence on the Brazilian dairy market, was considered one of the most innovative enterprises of the country and uses innovations as its strategies of competitiveness. A prior research, conducted with six specialists in the area of Knowledge Management, a systematic observation, consultation of the company’s records and documents and the application of surveys and interviews have been used as the methodological procedure. The surveys were composed of 80 asserts concerning the retention of knowledge and innovation, divided into 18 practices of Knowledge Management. These aforementioned surveys were applied to six individuals who are connected to the P&D and Marketing Department and who opinioned concerning the contribution of each practice to the processes of knowledge retention and innovation. The interviews, which were semi structured, were conducted with 4 employees in order to go deep in the results obtained with the questionnaire. Among the practices that most contribute to the factor of knowledge retention in the company are the Mapping out of Knowledge, Corporative Education, Forums or Discussion Lists, Learned Lessons, Better Practices and Organizational Memory. Concerning the fact of innovation, the practices that most contribute are Management of Intellectual Capital, Learned Lessons, Corporative Education, Mapping out of Processes and Better. The identification of practices that promote the retention of knowledge and ease the processes of innovation is the first step for the enterprises to establish tools that are appropriate and practical to their strategies and employees. Although these results cannot be generalized for other enterprises, they may guide new researches in the area.
URI: http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3603
Aparece nas coleções:PG - Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PG_PPGEP_M_Helmann, Caroline Lievore_2007.pdf
  Disponível a partir de 5000-01-01
1,01 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir Solicitar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.