Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/2682
Título: Viabilidade técnica e econômica da utilização da vinhaça para geração de energia elétrica (estudo de caso)
Título(s) alternativo(s): Technical and economic feasibility of using vinasse for electricity generation (case study)
Autor(es): Micuanski, Viviane Cavaler
Orientador(es): Nogueira, Carlos Eduardo Camargo
Palavras-chave: Agricultura e energia
Biogás
Economia agrícola
Agriculture and energy
Biogas
Agriculture - Economic aspects
Data do documento: 12-Dez-2014
Editor: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Câmpus: Dois Vizinhos
Citação: MICUANSKI, Viviane Cavaler. Viabilidade técnica e econômica da utilização da vinhaça para geração de energia elétrica (estudo de caso). 2014. 62 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Energia na Agricultura) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2014.
Resumo: O presente trabalho refere-se a um estudo de caso que teve como finalidade avaliar a viabilidade técnica e econômica na utilização da vinhaça para a produção de energia elétrica em uma usina de álcool, localizada na região noroeste do estado do Paraná. Os critérios de tomada de decisão considerados, baseados em análise de viabilidade econômica, foram a Taxa Interna de Retorno (TIR), o Valor Presente Líquido (VPL) e o Payback descontado. Foram adotados dois cenários para análise da viabilidade econômica do projeto. O primeiro cenário considerou a possibilidade de venda da energia elétrica produzida para a Companhia Paranaense de Energia - COPEL, a partir de três operações distintas variando o tempo de funcionamento da planta de biogás e o preço de venda de energia. Já o segundo cenário, considerou a utilização da energia elétrica produzida para consumo próprio em substituição ao bagaço da cana que passaria a ser vendido. Também, para o segundo cenário, foram consideradas três operações que variam o tempo de funcionamento da planta de biogás, e o valor de venda do bagaço da cana. Ainda, foi realizada uma Análise de Sensibilidade do VPL em função da variação do preço de venda da energia elétrica (cenário 1) e do bagaço da cana (cenário 2), da quantidade vendida e dos custos fixos envolvidos. Realizou-se, também, uma Análise de Probabilidade de Risco, a partir de 1000 simulações de VPL, considerando que a variação do preço de venda da energia elétrica e do bagaço da cana apresenta uma distribuição normal em ambos os casos. Comparando-se esses indicadores econômicos e as análises realizadas, pode-se concluir que o empreendimento é viável para os dois cenários avaliados, sendo que para o cenário 2 há apenas 0,10% de probabilidade de prejuízo, para cada operação. Assim, considerando os cenários estudados e as operações realizadas em cada um deles, pode-se afirmar que a substituição do bagaço, que passaria a ser vendido, pela vinhaça na geração da energia elétrica para consumo próprio da usina, apresenta-se mais viável economicamente do que a produção de energia, a partir da vinhaça, cujo objetivo seria a venda para a COPEL.
Abstract: This paper refers to a case study that aimed to assess the technical and economic feasibility of the use of stillage to produce electricity in an ethanol plant, located in the northwestern region of the state of Paraná. The criteria considered in decision making based on economic viability analysis, were Internal Rate of Return (IRR), Net Present Value (NPV) and discounted payback. Two scenarios were adopted to analyze the economic feasibility of the project. The first scenario considered the possibility of selling the electricity produced to Company Paranaense of Energy - COPEL, from three distinct operations varying the time of operation of the biogas plant and the sale price of energy. The second scenario considered the use of the energy produced for own consumption in substitution of bagasse that would be sold. Also, for the second scenario, three operations that vary the time of operation of the biogas plant and the sale value of bagasse were considered. Still, a sensitivity analysis of the NPV was performed due to the variation of the selling price of electricity (scenario 1) and sugarcane bagasse (scenario 2), the amount sold and the fixed costs involved. Also held one-Probability Risk Analysis, from 1000 simulations of NPV, whereas the variation of the selling price of electricity from sugarcane bagasse and has a normal distribution in both cases. Comparing these economic indicators and analyzes, we can conclude that the project is viable for both scenarios evaluated, and for scenario 2 there is only 0.10% probability of injury for each operation. Thus, considering the scenarios studied and the operations performed on each one, it can be stated that the substitution of bagasse, which would be sold by the vinasse in the generation of electricity for own consumption of the plant, appears more economically viable than energy production from vinasse, whose goal would be to sell to COPEL.
URI: http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/2682
Aparece nas coleções:PCS - Dissertações

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
UNIOESTE_PPGEA_M_Micuanski, Viviane Cavaler_2015.pdf1,18 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.